sábado, 12 de agosto de 2017

Se existe amor verdadeiro?

"Permita-se amar e ser amado"

Se existe amor verdadeiro?

Um dia eu amei! Sim, eu amei e acredito que também fui amado. Foi um sentimento que tomou conta de cada respiração, de cada pulsar do meu coração.
Esse amor foi arrancado de mim e levado para cada vez mais distante. Eu o vi partir, o vi se distanciar até se perder em cada gota de lágrima que caía de meus olhos.
Você deve estar se perguntando: "Jairo! Você não fez nada para evitar que esse amor fosse embora?"
Não! Não fiz, quando o amor acaba, por mais dolorido, por mais triste e destroçado que seu coração fique, o amor ele deve ser sentido, partilhado e vivenciado, jamais deve ser forçado.
Foi um amor verdadeiro e doce que me fez enxergar além das nuvens e além de mim mesmo. Mas quando se foi, fez com que a luz que brilhava dentro de mim se apagasse de tal forma que eu acabei me acostumando a viver com a minha própria escuridão.
Cada vez que um novo amor tentava se aproximar e reascender a esperança de uma nova história eu me lembrava da chama que havia sido acesa dentro de mim e depois apagada sem a menor cerimônia. Eu me tranquei e me despi de vez do amor.
Passei a acreditar que jamais amaria novamente, que jamais encontraria um amor que pudesse me fazer vivo outra vez, que pudesse fazer com que eu sentisse novamente o pulsar do meu coração e a minha respiração outra vez...
O amor é a coisa mais linda do mundo, o amor é viver, o amor é sentir que a vida vale a pena. Se ele acabar, deixe o ir, liberte-o para pulsar outro coração, liberte o para voar, liberte a você mesmo e se permita amar e ser amado novamente.
Eu sei que é difícil deixar o amor ir embora quando ele acaba, eu sei que muitas vezes nossas forças não nos permite deixar que ele se vá, mas acredite, um novo amor está sendo preparado para você.
Você vai chorar, sim! Você vai sofrer, sim! Mas também você vai se fortalecer, vai renovar suas energias e aprender a amar a si mesmo e depois se abrir novamente para um novo e belo amor.
Hoje posso dizer que eu me amo acima de tudo e que permitirei que me amem também. Permitirei que um novo amor se aproxime de mim e me tire da escuridão. Que me mostre a luz.
Quando aquele que amei foi embora eu deixei o meu coração cair, mas tenho certeza que enquanto ele caía, um novo amor o apanharia e me tiraria da escuridão. Confesso que não estou amando neste momento mas estou me permitindo, me permitindo viver, me permitindo amar e ser amado.

Estou aberto para um novo amor...

Se existe amor verdadeiro?
Ame, se deixe amar e conheça o verdadeiro sentido da palavra A M A R...

Um beijo,
Jairo Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário